quarta-feira

úmido


Upload feito originalmente por outro_olhar79

um amor tenro sem

compromisso com o trágico

separando verso e reverso

é você

molhando meu duplo corpo

fêmeo, ingênuo-malicioso

onde tudo é risco acontecer

coragem divisa

o meu úmido desejo

por seu corpo me umidecer.

3 comentários:

  1. Gosto do poema. Muito.

    (Mas vou continuar a escrever húmido e o acordo que se lixe! lol)

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Mulher da ilha é solidão
    É espera do vapor da madrugada
    É aroma de milho em mesa de pão
    É pio de milhafre, alma assombrada

    Mãe em ninho feito de frias pedras
    Por duras mãos cheias de jeito
    Não sei se de ti brota um morno leite
    Ou escorre rubra lava do teu peito


    Uma Santa Páscoa


    Terno beijo

    ResponderExcluir